5 maneiras para montar promoções e campanhas de incentivo em sua empresa

Lifetime Value e cobrança recorrente: veja como ambos se relacionam em seu negócio
Lifetime Value e cobrança recorrente: veja como ambos se relacionam em seu negócio
30 de outubro de 2018
Saiba aplicar o Small Data em sua estratégia de e-commerce
Saiba aplicar o Small Data em sua estratégia de e-commerce
30 de outubro de 2018
Como montar promoções e campanhas de incentivo para sua empresa?

Não há dúvidas de que funcionários motivados produzem mais e com maior qualidade. Um estudo realizado pela agência de consultoria Gallup revelou que colaboradores com motivação em alta produzem 21% mais, aumentam 22% a rentabilidade do negócio e reduzem as taxas de absenteísmo em 37%.

Em vista disso, as campanhas de incentivo para empresas são uma ótima estratégia para dar um gás aos colaboradores. São ações que têm por objetivo desenvolver mais motivação nas equipes para que mantenham o foco e otimizem os seus resultados.

Quer saber como implementar essa ideia? Separamos neste post 5 maneiras de você montar uma campanha de incentivo no seu negócio. Vamos lá?

Antes de montar campanhas de incentivo para empresas

Defina os objetivos

O primeiro passo para você montar campanhas de incentivo para empresas com sucesso é saber o que deseja alcançar com essa estratégia. Os objetivos podem ser de natureza quantitativa, aumentar o volume de vendas, por exemplo, ou qualitativa, criar valor para os clientes do negócio.

Estabeleça as metas e os critérios

A partir daí, será mais fácil desdobrar esses objetivos em metas que devem ser cumpridas pelas equipes e pelos colaboradores individualmente em um determinado período ou em um projeto específico.

Esses objetivos devem ser de fácil entendimento, realistas e sem ambiguidades. Por exemplo, qual empresa não quer aumentar sua receita em 80%? Mas essa meta é realmente alcançável tendo em vista a infraestrutura que você fornece ao seu time e as limitações dos colaboradores e do próprio mercado? Assim, é preciso ter a realidade da empresa em mente ao definir as metas.

Forneça as ferramentas

Com base no item anterior, os gestores precisam identificar processos mais críticos, gargalos e prováveis obstáculos que os funcionários poderão enfrentar. A partir daí, será possível fazer os ajustes necessários e prover as ferramentas adequadas para que as equipes possam ter condições de atingir as metas e os objetos desejados.

Saiba dar recompensas

As recompensas devem ser escolhidas com base no perfil dos colaboradores, como estado civil, família, escolaridade e hábitos de consumo, nas tendências do mercado e em outros aspectos relacionados à cultura da empresa.

Por exemplo, alguns colaboradores gostam de premiações mais pontuais, como brindes, presentes, folgas ou bônus em dinheiro. Outros preferem passar por novas experiências em viagens, cursos, participação em eventos corporativos ou de entretenimento.

De qualquer forma, a recompensa deve ser algo atrativo e estimulante para mover as equipes à ação. Assim, você estará apto a montar campanhas de incentivo para empresas. Vamos, então, ver algumas maneiras de fazer isso!

5 maneiras de montar campanhas motivacionais

1. Trabalhe com gamificação

Gamificação, ou gamification, é uma técnica baseada no conceito dos jogos, usada para tornar o trabalho mais atrativo e estimulante. Essa estratégia usa a mesma mecânica dos games para engajar os colaboradores e motivá-los a continuar atingindo metas e produzindo mais e melhor. Os principais elementos são:

  • pontuação;
  • ranking;
  • medalhas ou premiações.

A pontuação pode ser desenvolvida conforme o segmento, o modelo de negócios ou a função do colaborador. Por exemplo, número de vendas, vezes em que a meta é batida, tempo de resposta aos chamados etc.

O ideal é que o “placar” seja exibido em um painel físico ou virtual. Informações como ranking, pontuação de cada um e mudanças de nível são muito interessantes e motivadoras. Alguns dos frutos gerados por essa estratégia são:

  • estímulo de uma competitividade saudável, já que esse sentimento nos move à superação pessoal e em relação ao outro;
  • sentimento de conquista e vitória;
  • mensuração da performance e contante autoavaliação, uma vez que o colaborador consegue acompanhar periodicamente seu desempenho por meio de números claros e diretos.

2. Eleja o time do mês

Recompensar a equipe que mais se destacou no período ou na campanha é uma forma muito interessante de incentivar os funcionários e fortalecer o trabalho coletivo. Esse reconhecimento pode ser em virtude das metas batidas, bem como pela superação dos obstáculos que tenham surgido.

Por isso, além de números, avalie as equipes em termos de comprometimento, relacionamento interpessoal, disciplina, proatividade e engajamento.

Uma grande vantagem da recompensa em equipe é que você consegue fortalecer o trabalho colaborativo entre os funcionários e desenvolver neles um senso de pertencimento, de que suas ações individuais afetam todo o grupo. É uma ótima forma também de identificar aqueles que têm espírito de liderança.

3. Premie o colaborador que se destaca

O reconhecimento individual também é fundamental. Nesse caso, a empresa pode recompensar um ou mais funcionários, de acordo com os critérios preestabelecidos. Por exemplo, pode conceder um prêmio a todos aqueles que atingirem uma determinada marca ou somente aos primeiros que chegarem lá.

Mas aqui precisamos destacar um porém nesse tipo de campanha: os handicaps. Esse termo em inglês se refere às vantagens ou desvantagens que um colaborador pode ter em relação aos seus colegas, que não estão diretamente ligadas aos seus esforços ou capacidades.

Por exemplo, talvez um vendedor tenha a vantagem de trabalhar em uma região que naturalmente tenha uma saída maior, seja pela condição econômica ou pelo tempo em que a marca é conhecida no território.

Assim, os critérios de avaliação devem levar isso em conta, estipulando metas do tipo:

  • definição de diferentes metas conforme as condições de cada funcionário;
  • metas proporcionais ao número de clientes;
  • porcentagem de aumento em relação à campanha ou ao período anterior.

4. Aproveite as datas comemorativas

Datas comemorativas, como Páscoa e Natal, são períodos ótimos para promover campanhas de incentivo para empresas. Isso pode ser feito por meio de gincanas, que não necessariamente precisam estar diretamente ligadas aos negócios da companhia.

Por exemplo, algumas companhias gostam de fazer ações sociais, recolhendo alimentos, roupas ou trabalhando com algum outro tipo de auxílio. Que tal se juntar a uma ONG de crianças carentes, de idosos ou que esteja relacionada à proteção ambiental? Com certeza, esse trabalho vai dar um gás na sua equipe!

5. Foque em reduzir as reclamações

Essa campanha está relacionada aos objetivos qualitativos, e geralmente se aplica a equipes que prestam serviços de atendimento ao cliente. Esse trabalho pode, muitas vezes, ser estressante e desestimulador. Por isso, é importante dar uma atenção especial para incentivar seus colaboradores a dar o seu melhor.

A meta aqui é simples: reduzir o número de reclamações. O critério também pode ser em escala proporcional, estipulando porcentagens de redução. Como resultado, a empresa consegue aprimorar a experiência do cliente e alcançar sua fidelização.

Já pensou quais campanhas de incentivo para empresas você vai implementar no seu negócio? Não demore para aplicar essas ações. A motivação é o combustível para a produtividade dos seus colaboradores. E com um clima organizacional positivo e equipes engajadas, os resultados da companhia certamente serão muito maiores!

Gostou do post? Então, compartilhe essas dicas nas suas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *